Seja um doador

RESPONSABILIDADE SOCIAL

Grey haired man talking to nurse on kitchen, and using digital tablet
RESPONSABILIDADE SOCIAL

O Serviço Social da Fundação Banco de Olhos de Goiás – FUBOG é de vital importância não só para os pacientes do Estado de Goiás, mas também para os pacientes dos outros 23 Estados Brasileiros e do Distro Federal que buscam atendimento na Fundação. Atualmente são atendidos mais de 6 mil pacientes/ano junto ao Serviço Social, dentre pacientes encaminhados pelo SUS, Cais de Goiânia, pacientes carentes, encaminhados pelos Lions Clubes da Grande Goiânia e do interior, atendimentos nos mutirões da Prefeitura de Goiânia (através dos Consultórios Volantes) e de outros Estados do Brasil, diversos convênios, plano de saúde e atendimento particular. Temos 3 tipos de atendimento no Hospital, e em 2015 representam: 

1.Convênio SUS (74,76%)

2.Convênios diversos, planos de saúde e particular (21,24%)

3.Cortesia para pacientes de outros estados, carentes e sem guias (4%)

 A assistente social Renata Bianca de Andrade Santos Pelá é a responsável por encaminhar esses atendimentos, e trabalha na Fundação há vários anos

CAPTAÇÃO E TRANSPLANTE DE CÓRNEA

Desde 1978 a FUBOG capta e armazena córnea e em 2007 alcançaremos à marca de 7 mil transplantes. Nosso Banco de Olhos funciona desde 1983, e a Portaria 902/2000 do Ministério da Saúde regulamentou o funcionamento dos Bancos de Olhos no Brasil. Nossa autorização foi dada pela Secretaria de Assistência Social do Ministério da Saúde, pela Portaria 208/2002. No moderno Centro de Pesquisas de Córneas da FUBOG “Dr. Henrique Santillo” são realizados exames para avaliação da córnea e a contagem celular do endotélio, antes da mesma ser enviada ao médico para o transplante. Para garantir a doação e captação das córneas em tempo hábil, a Fundação mantém no Instituto Médico Legal (IML) de Goiânia, uma equipe de 04 funcionários em plantão 24 horas. A instituição também possui Centros de Captação de Córneas em Catalão, no HUGO, na Santa Casa e no Hospital Araújo Jorge. Em 2016 iniciaremos a residência médica em Transplante de córnea, com bolsas do Ministério da Saúde.

Rolar para o topo